Osmose

Você está aqui: Home / Biologia Celular / Osmose

A osmose é o movimento da água do meio menos concentrado para o mais concentrado
A osmose é o movimento da água do meio menos concentrado para o mais concentrado

Curtidas

0

Comentários

0

por Vanessa

Compartilhe:
Por Vanessa Sardinha

Osmose é um fenômeno natural em que se observa a passagem de água por meio de uma membrana semipermeável de um meio menos concentrado (hipotônico) para o meio mais concentrado (hipertônico). Nesse caso, a osmose tende a uniformizar a concentração nos dois locais separados pela membrana por meio da difusão apenas do solvente. Quando ocorre movimentação do soluto, essa é extremamente pequena.

O que são meios hipotônicos e hipertônicos?

Para compreender plenamente o conceito de osmose, é fundamental ter em mente o que são meios hipotônicos e meios hipertônicos. Essas definições podem ser aplicadas quando comparamos uma solução à outra analisando a quantidade de soluto (substância que se dissolve no solvente) e de solvente (substância capaz de dissolver outra).

Diz-se que uma solução é hipertônica quando ela apresenta mais soluto que outra solução. Uma solução hipotônica, por sua vez, é aquela que apresenta uma quantidade menor de soluto e maior de solvente quando comparada à outra. Existe ainda a solução isotônica, quando a quantidade de soluto e solvente é igual nas soluções analisadas.

No caso da osmose, a água sempre se move da direção onde ela se apresenta em maior quantidade para aquela onde a quantidade de soluto é maior. Assim sendo, a água move-se do meio hipotônico para o meio hipertônico.

A osmose em célula vegetal

A osmose ocorre em vários tipos celulares, como a célula vegetal. Observe o esquema abaixo:

Observe a osmose ocorrendo na célula vegetal
Observe a osmose ocorrendo na célula vegetal

Quando a célula foi colocada em um meio isotônico, permaneceu sem alteração, uma vez que a quantidade de água que entrou e saiu foi praticamente a mesma. Quando colocamos a célula no meio hipotônico, a água entrou de maneira exagerada na célula, acumulando-se em grande quantidade no vacúolo. Quando essa célula foi para o meio hipertônico, ocorreu o contrário, a água saiu em grande quantidade, causando, inclusive, a retração do volume da célula, um processo denominado de plasmólise.

A osmose em células vegetais pode ser observada no nosso dia a dia. Ao fazer uma salada, por exemplo, na presença de sal, as folhas murcham. Isso ocorre porque, ao colocar sal nas folhas, a água sai por osmose para o meio hipertônico, em uma tentativa de deixar o meio isotônico.

Curiosidade: Protozoários de água doce possuem o citoplasma hipertônico quando comparado ao meio externo. Isso causa uma entrada contínua de água para o interior do seu corpo. Para contornar o problema, eles possuem os chamados vacúolos pulsáteis, que eliminam de tempos em tempos a água em excesso em seu corpo.


Por Ma. Vanessa dos Santos

Curtidas

0

por Vanessa

Compartilhe: