Amensalismo

Você está aqui: Home / Ecologia / Amensalismo

Fungos do gênero <i>Penicillium secretam</i> substâncias que são amplamente utilizadas na medicina como antibióticos
Fungos do gênero Penicillium secretam substâncias que são amplamente utilizadas na medicina como antibióticos

Curtidas

0

por Helivania

Compartilhe:

O amensalismo é uma relação ecológica interespecífica, ou seja, que ocorre entre espécies diferentes, e desarmônica, também chamada de interação negativa, pois uma das espécies sofre algum tipo de prejuízo. Nessa relação, a presença de uma espécie no ambiente impede o crescimento de outra espécie naquele local ou a sua reprodução. Geralmente isso ocorre por meio da secreção de substâncias pela espécie inibidora que afetarão a outra espécie, denominada de amensal.

Exemplos de amensalismo

Um exemplo bastante conhecido e de grande importância é a produção de antibióticos, como a penicilina, que inibem a proliferação de bactérias. A penicilina é secretada por fungos do gênero Penicillium e é amplamente utilizada na medicina.

Diversas plantas, como o eucalipto, produzem substâncias que inibem o desenvolvimento de outras plantas próximas a elas. Geralmente essas substâncias estão presentes nas folhas, que, quando caem, liberam-nas e impedem a germinação das sementes de outras espécies. Essa interação é também chamada de alelopatia.

O fenômeno da maré vermelha é um exemplo de importância ecológica e econômica. Determinadas espécies de algas planctônicas dinoflageladas, que dão à água coloração avermelhada, produzem toxinas. Com o aumento da temperatura da água, geralmente na primavera e verão, ou de nutrientes, ocorre o crescimento exacerbado dessas algas e, com isso, o aumento de toxinas. Esse fenômeno pode afetar todo o ecossistema e a economia local, pois pode intoxicar e até mesmo provocar a morte dos peixes que as ingerem ou que se alimentam do zooplâncton, que se alimenta dessas algas, afetando toda a teia trófica.


Por Ma. Helivania Sardinha dos Santos

Curtidas

0

por Helivania

Compartilhe: