Tecido Ósseo

Você está aqui: Home / Histologia Animal / Tecido Ósseo

O tecido ósseo é um tecido com matriz extracelular extremamente rígida
O tecido ósseo é um tecido com matriz extracelular extremamente rígida

Curtidas

0

por Vanessa

17 Sep 2015

Compartilhe:

O tecido ósseo é um tipo de tecido conjuntivo caracterizado pela presença de uma matriz rica em fosfato de cálcio e fibras colágenas. A sua matriz rica em cálcio confere uma resistência ao osso maior que a das cartilagens. Por isso, os ossos são importantes para a proteção de nossos órgãos internos, como pulmões, coração e o encéfalo, protegido especificadamente pela caixa craniana. Além disso, o tecido ósseo atua como um reservatório de cálcio para o nosso organismo.

O tecido ósseo é formado por três tipos celulares básicos: os osteoblastos, os osteoclastos e os osteócitos.

Os osteoblastos estão relacionados com a deposição do osso. Essas células atuam secretando as substâncias que formarão a matriz extracelular. Elas apresentam prolongamentos citoplasmáticos que se conectam com outros osteoblastos.

Os osteócitos são os osteoblastos maduros, após serem circundados pela matriz óssea que produziram. Essas células de formato estrelado ficam dentro de cavidades.

Os osteoclastos, células grandes com vários núcleos, são as células originadas a partir dos monócitos, que atuam reabsorvendo o osso. Essas células são relacionadas com a remodelagem.

O tecido ósseo é vascularizado e inervado. Ao observarmos um corte transversal de um tecido ósseo, vamos verificar a presença de camadas de matriz extracelular distribuídas de forma concêntrica em torno de um canal central. Nesse canal central, também chamado de canal de Havers, é por onde nervos e vasos sanguíneos passam. Essa estrutura formada pela matriz concêntrica juntamente ao canal de Havers é chamada de osteônios ou sistema de Havers.

O tecido ósseo pode ser classificado em dois tipos: o ósseo compacto e o ósseo poroso ou esponjoso. O tecido ósseo compacto é mais resistente que o tecido ósseo poroso.

Os ossos são envolvidos por uma membrana de tecido conjuntivo chamada de periósteo. Sua função principal é atuar na regeneração do osso, uma vez que é um tecido vascularizado. Esse tecido também ajuda na nutrição do tecido ósseo.

No interior do osso, encontramos uma substância de natureza conjuntiva denominada medula óssea. A medula pode ser de dois tipos: amarela (formada por tecido adiposo) e vermelha (relacionada com a formação de células sanguíneas).


Por Ma. Vanessa dos Santos

Curtidas

0

por Vanessa

17 Sep 2015

Compartilhe: