Esteroides anabolizantes

Você está aqui: Home / Saúde e bem-estar / Esteroides anabolizantes

Os esteroides anabolizantes podem causar sérios problemas de saúde
Os esteroides anabolizantes podem causar sérios problemas de saúde

Curtidas

0

por Vanessa

Compartilhe:
Por Vanessa Sardinha

Conseguir o corpo perfeito nem sempre é fácil e exige dedicação e muita determinação. O resultado esperado, mesmo com trabalho árduo, pode demorar vários meses e até mesmo anos para ser atingido. É por isso que, muitas vezes, algumas pessoas tentam métodos alternativos para obter resultados mais rápidos.

Um dos métodos bastante utilizados e que garantem um corpo bonito e musculoso rapidamente é uso de esteroides anabolizantes, ou simplesmente anabolizantes. Essas substâncias são derivados sintéticos da testosterona, um hormônio que tem como função principal promover o desenvolvimento dos caracteres sexuais masculinos.

Os esteroides anabolizantes podem ser usados de duas maneiras: através do uso oral ou de forma injetável. O anabolizante oral geralmente é vendido na forma de comprimido, que é ingerido, absorvido no intestino e processado no fígado. Já os injetáveis são aplicados diretamente na corrente sanguínea. O primeiro tipo geralmente relaciona-se com grande sobrecarga do fígado, enquanto o segundo provoca maior toxicidade para os rins.

Inicialmente os esteroides anabolizantes foram criados para fins terapêuticos e eram usados apenas por pacientes que possuíam problemas na produção natural de testosterona (hipogonadismo) e em casos de atrofias musculares, alguns tipos de câncer, como os de mama, entre outras doenças. Entretanto, logo as pessoas associaram seus efeitos com a melhora no desempenho esportivo e aspecto físico, uma vez que atuam aumentando a massa muscular, a força e o desempenho.

Os esteroides anabolizantes passaram logo a ser utilizados por esportistas, que queriam aumentar sua performance. Esse uso, no entanto, logo passou a ser proibido e considerado doping pela Agência Mundial Antidoping. O primeiro registro de uso dessas substâncias no esporte foi em 1960, quando o fisioculturista Fred Ortiz apresentou uma massa muscular impressionante e mais desenvolvida que a de seus concorrentes.

Atualmente o uso de esteroides anabolizantes por jovens também vem crescendo assustadoramente em academias. Isso preocupa as autoridades, uma vez que esses produtos podem levar à morte e causar sérios casos de intoxicação.

Os esteroides anabolizantes, apesar de parecerem ótimos para o corpo, estão relacionados com graves problemas. Dentre eles, podemos destacar diversos problemas cardíacos, tais como insuficiência cardíaca, tromboses e infartos; eles também podem afetar o fígado, causando-lhe tumores, modificações na função hepática e cirrose, e os rins, gerando tumores e aumento da retenção de água no corpo. Aumento de acne e do LDL e redução do HDL também se relacionam com o uso dessas substâncias.

Além disso, os esteroides anabolizantes estão relacionados, em homens, com casos de atrofia dos testículos, esterilidade e impotência. Também são responsáveis pelo crescimento da mama, uma condição conhecida como ginecomastia. Nas mulheres, o uso de anabolizantes causa masculinização, com crescimento de pelos no rosto, mudança da voz, hipertrofia do clitóris e modificações no ciclo menstrual. Pode ocorrer também o desenvolvimento de um padrão de calvície típico de homens.

Os esteroides anabolizantes também provocam problemas comportamentais, gerando maior irritabilidade, hostilidade e variações de humor. Na literatura, é possível encontrar casos de suicídio relacionados com o uso excessivo dessas substâncias.

Percebe-se, portanto, que o uso de anabolizantes pode sim melhorar a aparência, porém os efeitos no corpo podem ser devastadores. É fundamental informar-se antes de utilizar qualquer produto e nunca esquecer que o melhor caminho para o corpo perfeito e melhora na performance é a alimentação saudável e bastante treino.

Atenção: Antes de iniciar atividades físicas, consulte seu médico para avaliar seu estado de saúde.


Por Ma. Vanessa dos Santos

Curtidas

0

por Vanessa

Compartilhe: