TPM

Você está aqui: Home / Saúde e bem-estar / TPM

Um sintoma bastante comum da TPM é a irritabilidade
Um sintoma bastante comum da TPM é a irritabilidade

Curtidas

0

Comentários

por Vanessa

27 Dec 2014

Compartilhe:

É bastante comum que as mulheres apresentem variações de humor antes do período menstrual. Essa ocorrência, que é marcada por vários sintomas característicos, é chamada de Tensão Pré-menstrual ou simplesmente TPM. É um problema tratado com desprezo pela maioria das pessoas, porém pode afetar os relacionamentos e a produtividade profissional e escolar da mulher.

Normalmente a TPM é mais acentuada em mulheres com idade entre 30 e 40 anos. Estima-se que aproximadamente 85% de todas as mulheres que menstruam já tiveram ou ainda apresentam os sintomas da tensão pré-menstrual.

A TPM ocorre em virtude de variações hormonais que acontecem no corpo da mulher durante a fase lútea do ciclo menstrual, ou seja, após a ovulação e antes da menstruação. Esse período pode ser caracterizado por sintomas emocionais e físicos, tais como irritabilidade, agressividade, tensão, depressão, ansiedade, distensão abdominal, dores nas mamas e dores de cabeça.

São bastante frequentes os relatos de que algumas mulheres choram sem motivo ou se descontrolam facilmente. Outras mulheres, no entanto, não sentem nenhuma alteração de humor durante esse período anterior à menstruação. Isso ocorre porque algumas pessoas são mais sensíveis às mudanças hormonais, além disso, a vida pessoal de cada uma tem fator primordial na intensidade da TPM.

Apesar de todos os sintomas negativos do período pré-menstrual, algumas mulheres relatam aspectos positivos. Estudos revelaram que certas mulheres apresentam maior interesse sexual nesse período e também maior criatividade. Portanto, cada sintoma varia de mulher para mulher e também de um mês para outro.

É importante frisar que os sintomas da TPM desaparecem assim que a menstruação acontece, pois há uma queda nos níveis hormonais nesse momento. Caso não ocorra melhora no quadro, provavelmente o problema não é TPM e merece a investigação de um profissional.

Existem mulheres que apresentam uma forma ainda mais severa de TPM, com sintomas muito mais graves. Essa forma é chamada de DDPM (Distúrbios Disfóricos Pré-menstruais) e ocorre em razão da interação de alguns neurotransmissores e hormônios femininos. Diferentemente da TPM tradicional, faz-se necessário um tratamento rigoroso, com mudanças nos hábitos de vida, alguns medicamentos e muitas vezes até mesmo o uso de antidepressivos.

Vale destacar que a TPM não é desculpa para que a mulher seja agressiva e ignorante com todos ao seu redor. É fundamental que elas aprendam a não ser escravas dos hormônios e consigam controlar-se, apesar de ser uma tarefa difícil.

Dica: Para diminuir a TPM, muitos médicos recomendam a realização de exercícios físicos, principalmente os aeróbicos. Também é importante mudar hábitos alimentares, optando sempre por uma dieta saudável.


Por Ma. Vanessa dos Santos

Curtidas

0

Comentários

por Vanessa

27 Dec 2014

Compartilhe: