Estrogênio

Você está aqui: Home / Anatomia e Fisiologia Animal / Estrogênio

O estrogênio atua na formação das características sexuais secundárias, como o desenvolvimento dos seios
O estrogênio atua na formação das características sexuais secundárias, como o desenvolvimento dos seios

Curtidas

0

Comentários

0

por Helivania

Compartilhe:
Por Helivania Sardinha dos Santos

O estrogênio é um tipo de hormônio sexual, produzido pelos ovários, pela placenta e, em pequenas quantidades, pelo córtex das glândulas suprarrenais e testículos. O principal hormônio estrogênio é o estradiol.

O estrogênio tem a sua síntese regulada por duas gonadotrofinas – hormônios que atuarão nas gônadas, nesse caso, nos ovários – produzidas pela adenoipófise: os hormônios FSH (hormônio folículo estimulante) e LH (hormônio luteinizante). Já a secreção das gonadotrofinas são controladas pelo GnRH (hormônio liberador de gonadotrofina), produzido pelo hipotálamo.

O FSH estimula o amadurecimento dos folículos ovarianos para que ocorra a ovulação. À medida que o folículo desenvolve-se, produz estrogênios. A concentração de estrogênio aumenta de forma que passe a inibir a produção de FSH e LH. No entanto, depois de um tempo, a alta concentração de estrogênio passa a estimular a produção LH e FSH, em menor quantidade. O aumento do LH fará com que ocorra a ovulação, e a concentração de estrogênio diminuirá.

→ Funções do estrogênio

O estrogênio age de diversas formas no organismo:

  • Desenvolvimento do sistema genital feminino e dos ciclos reprodutivos;

  • Formação das características sexuais secundárias, como o desenvolvimento das glândulas mamárias e quadril e crescimento de pelos no corpo;

  • Atua sobre a reabsorção de sódio pelo organismo;

  • Inibe a reabsorção óssea e atua sobre o crescimento;

  • Promove a síntese de várias proteínas, além de algumas substâncias vasodilatadoras.

Os contraceptivos orais são compostos por uma forma sintética de estrogênio, geralmente combinado com progesterona sintética. A ingestão desses contraceptivos eleva o nível de esteroides ovarianos, mantendo-os constantes e inibindo a secreção de gonadotrofinas, o que impede a ovulação.

Curtidas

0

por Helivania

Compartilhe: