Gametas

Você está aqui:
Na espécie humana, existem dois tipos de gametas, o óvulo (gameta feminino) e o espermatozoide (gameta masculino)
Na espécie humana, existem dois tipos de gametas, o óvulo (gameta feminino) e o espermatozoide (gameta masculino)

Curtidas

0

Comentários

0

por Helivania

Compartilhe:
Por Helivania Sardinha dos Santos

Os gametas são células especializadas que, durante o processo de reprodução sexuada, transmitem os genes de uma geração para a seguinte. Os gametas estão presentes em todos os organismos que realizam a reprodução sexuada, como animais, algas, fungos e plantas.

Os gametas apresentam um único conjunto de cromossomos, metade da quantidade de cromossomos das outras células presentes no organismo, por isso são denominados de células haploides. Na espécie humana, o número haploide de cromossomos é 23. As demais células, denominadas de células somáticas, apresentam 46 cromossomos e são provenientes da união dos gametas paterno e materno.

Os gametas são formados por um processo denominado de gametogênese em órgãos chamados de gônadas.

Na espécie humana, os gametas são o ovócito secundário ou óvulo (gameta feminino) e espermatozoide (gameta masculino):

  • Ovócito secundário ou óvulo: célula grande, imóvel com a presença de material nutritivo. O processo de produção do ovócito secundário ou óvulo ocorre nos ovários e é denominado ovulogênese;

  • Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

    Espermatozoide: célula pequena, móvel e constituída por três partes: cabeça, peça intermediária e cauda. O processo de produção do espermatozoide ocorre nos testículos e é denominado de espermatogênese.

Em samambaias, os anterozoides são os gametas masculinos e móveis, e a oosfera é o gameta feminino e imóvel
Em samambaias, os anterozoides são os gametas masculinos e móveis, e a oosfera é o gameta feminino e imóvel

Os gametas diferenciam-se nos diversos grupos de plantas. Em pteridófitas, como as samambaias, os anterídios produzem os anterozoides (gametas masculinos e móveis), e os arquegônios produzem as oosferas (gametas femininos e imóveis). As angiospermas (plantas com flores), como as roseiras, possuem anteras que produzem os grãos de pólen contendo os núcleos espermáticos (gametas masculinos) e o ovário que produz óvulos contendo as oosferas (gametas femininos).

Curtidas

0

por Helivania

Compartilhe: