Toxoplasmose

Você está aqui: Home / Doenças / Toxoplasmose

A toxoplasmose é causada pela ingestão de cistos do protozoário Toxoplasma gondii
A toxoplasmose é causada pela ingestão de cistos do protozoário Toxoplasma gondii

Curtidas

0

Comentários

0

por Helivania

Compartilhe:
Por Helivania Sardinha dos Santos

A toxoplasmose é uma doença causada pelo protozoário Toxoplasma gondii, parasita intracelular obrigatório, pertencente à família Toxoplasmatinae, ordem Coccidia. Essa doença afeta não apenas os seres humanos, mas também outros mamíferos, além de aves e répteis. Aqui destacaremos a toxoplasmose humana.

Transmissão

O Toxoplasma gondii se reproduz no intestino de gatos e o outros felídeos, seus hospedeiros definitivos. Esses hospedeiros liberam, por meio de suas fezes, cistos do Toxoplasma gondii, uma forma que pode resistir no solo por até um ano, até ser ingerido por mamíferos, aves, répteis ou pelo ser humano, seus hospedeiros intermediários, e assim, concluir seu ciclo de vida.

Diante disso, a transmissão da toxoplasmose ocorre com a ingestão dos cistos do Toxoplasma gondii presentes nas fezes de gatos e em carnes cruas ou malcozidas.

Sintomas

Geralmente a toxoplasmose é assintomática. No entanto, pode haver febre e aumento dos linfonodos, o que pode ser confundido com sintomas de outras enfermidades. Diante disso, a doença pode, muitas vezes, passar desapercebida, sem consequências mais graves, embora possam existir lesões em alguns órgãos, principalmente nos olhos.

Profilaxia

A profilaxia contra a toxoplasmose consiste em:

  • Evitar o consumo de carnes cruas ou malcozidas;

  • Ingerir verduras bem higienizadas, pois canteiros são locais onde gatos costumam defecar;

  • Lavar as mãos após o contato com animais, principalmente gatos e outros felídeos;

  • Lavar bem as mãos após manusear a terra por onde eles passaram;

  • Limpar os locais onde ficam esses animais, realizando a retirada de suas fezes adequadamente;

  • Alimentar os animais com comida cozida ou ração, evitando alimentá-los com carne crua.

Cuidados na gestação

Mulheres que pretendem engravidar devem realizar previamente o exame específico para a doença para averiguar se já estão imunizadas. Se a mulher nunca teve a doença, os cuidados para evitá-la deverão ser dobrados. Se ela convive com gatos, o médico deve orientá-la sobre como lidar com esses animais.

Os cuidados na gestação devem-se ao fato do risco de transmissão da mãe para o feto, causando diversas alterações como lesões oculares, calcificações cerebrais, microcefalia, retardo mental, entre outras.

Curtidas

0

por Helivania

Compartilhe: