Febre

Você está aqui:
A temperatura corporal, considerada normal, varia entre 36 °C e 37,4 °C. Acima desses valores, é chamada de febre
A temperatura corporal, considerada normal, varia entre 36 °C e 37,4 °C. Acima desses valores, é chamada de febre

Curtidas

0

Comentários

0

por Helivania

Compartilhe:
Por Helivania Sardinha dos Santos

A febre é o aumento da temperatura corporal acima dos valores considerados normais, que variam entre 36 °C e 37,4 °C. Esse aumento de pode ocorrer por diversos motivos, que alteram o mecanismo de termorregulação localizado no hipotálamo.

→ Mecanismos de termorregulação

No hipotálamo, um grupo de células funciona como um termostato, que ativa mecanismos para regular a temperatura corporal quando ela encontra-se fora da faixa de normalidade.

A febre decorre da ação de substâncias que atuam sobre esse termostato elevando o ponto de regulação térmica (em torno de 37 °C), o que desencadeia mecanismos para produção de calor, como tremores – músculos contraem-se rapidamente produzindo calor e vasoconstrição periférica – o sangue é desviado para tecidos profundos, impedindo a perda de calor para a superfície da pele.

No entanto, quando a temperatura corporal aumenta e atinge esse novo valor, são desencadeados mecanismos de dissipação de calor para atingir novamente o equilíbrio corporal (homeostase), como a vasodilatação periférica – permitindo que o calor do sangue que passa pelos capilares irradie pela pele – e a secreção de suor, que evapora e resfria a pele.

→ Causas da febre

A febre pode ser induzida por substâncias denominadas pirógenos, que podem ser produzidas por algum hospedeiro e, nesse caso, são denominadas de endógenas. Elas também podem ser de origem externa ao hospedeiro, como alguma toxina, um microrganismo ou agente químico, e são chamadas de exógenas.

Diante disso, vale ressaltar que a febre não é uma doença, mas sim um indicativo de que algo não está bem no organismo. Assim, podem ser agentes causadores de febre:

  • Infecções;

  • Processos inflamatórios;

  • Medicamentos;

  • Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

    Lesões cerebrais que afetam o hipotálamo, entre outros.

No entanto, a temperatura corporal pode aumentar em algumas situações, como em mulheres no período de ovulação (aumento de até 0,6 °C), sem que haja necessidade de tratamento. Diante disso, é sempre importante buscar as causas do aumento de temperatura corporal.

→ Complicações decorrentes da febre

A febre pode trazer algumas complicações. Assim, alguns grupos requerem maior atenção:

  • Aumento do risco de convulsão em crianças e indivíduos com problemas neurológicos;

  • Pessoas com problemas cardíacos requerem atenção por causa do aumento do consumo de oxigênio e da maior atividade cardíaca nesse período;

  • Gestantes devem ficar atentas, pois a febre, principalmente no primeiro trimestre de gestação, aumenta o risco de defeitos do túbulo neural no feto.

→ Tratamento

A febre não pode ser apenas combatida, sem que haja uma investigação sobre o que a está causando. Dessa forma, é aconselhável buscar assistência médica.

O tratamento é feito com antitérmicos, e algumas medidas podem também auxiliar na diminuição da temperatura corporal, como banhos e compressas mornas, resfriamento do ambiente, remoção da quantidade de roupas e hidratação.

Curtidas

0

por Helivania

Compartilhe: